Dança dos Anjos  

Uma noite olhei para o céu e vi as estrelas a brilhar.

Mas tinham um brilho triste..

Nessa altura, surge um anjo vindo de uma constelação.

Esse anjo chorava.

Perguntei-lhe a razão e ele disse-me que protegia alguém que nem olhava para o céu...

Olhei melhor e reparei em milhões de anjos que lá se encontravam.

Todos tão lindos... Tão mágicos...

Tão misteriosamente frágeis...

Todos com cabelos de prata, olhos de safira e asas de cristal...

Majestosos, imponentes, mas doces, meigos e carentes.

Os seus olhares penetrantes penetraram minha alma, percorreram meu corpo, elevaram a minha mente.

Lindos... Eles estavam lindos...

Mas sós... Eles estavam tão sós...

O que fazer para dar um pouco de felicidade a seres tão especiais,

que pareciam ter toda a felicidade existente?

Um olhar, um sorriso, um aceno, um obrigado...

Só isso?!

Perguntei...

Sim, é o que é preciso para que os anjos dancem e voltem a viver e brilhar no seu esplendor.

Nessa altura sorri, olhei, acenei, agradeci e vi a festa dos anjos nas estrelas...

Um baile de magia em tons de prata...

Dancei com todos os anjos...

A partir dessa noite, olho para o céu e procuro os anjos...

Anjos... Almas lindas, meigas, suaves e deliciosamente puras...

Anjos... Aqueles olhares sorridentes de quem apenas quer um carinho...

que temos no céu e na terra...Anjos... Amigos...

Esses seres que estão sempre por perto...

Anjos...

Belos anjos...

:: Postado por Mamãe às 02h01
::
:: Enviar esta mensagem

Sou eu assim sem você
Composição: Cacá Moraes / Abdullah

Avião sem asa
Fogueira sem brasa
Sou eu assim sem você!

Futebol sem bola
Piu-piu sem Frajola
Sou eu assim sem você!

Porque é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
eu te quero a todo instante nem mil auto-falantes vão poder falar por mim!

Amor sem beijinho
Buchecha sem Claudinho
Sou eu assim sem você!

Circo sem palhaço
Namoro sem amasso
Sou eu assim sem você!

Tô louco pra te ver chegar
Tô louco pra te ter nas mãos
Deitar no teu abraço
Retomar o pedaço que falta no meu coração...

Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio ta de mal comigo

Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio ta de mal comigo
Por quê?
Por quê?

Neném sem chupeta
Romeu sem Julieta
Sou eu assim sem você!

Carro sem a estrada
Queijo sem goiabada!

Por que é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero a todo instante nem mil auto falantes vão poder falar por mim!

Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio ta de mal comigo!!

 

:: Postado por Mamãe às 15h20
::
:: Enviar esta mensagem


7 meses sem você...

Eu sem você
Procuro não pensar nessa verdade
Insisto em disfarçar esta saudade
Sorrindo com vontade de chorar

Eu nunca imaginei que houvesse no mundo
Um amor desse jeito
Do tipo que quando se tem não se sabe
Se cabe no peito

 

E só eu sei
A falta que você me faz
E como minha vida desde aquela despedida
Se modificou demais

 

Chorei e o pranto a deslizar
Nem mesmo me deixava ver
O rosto que chegou e se foi
Naquele triste adeus

 

A primeira vez
O amor se fez
Na primeira vez

 

A primeira vez
Tudo terminou
Na primeira vez!

 

Em mim permanece

O mais puro sentimento de amor

E a maior saudade do mundo

 

Eu Te Amo minha Vic!

E sempre vou te amar

Por toda minha vida...

 

Com amor e saudades eternas...

 

Mamãe

 

PS: alguns trechos foram tirados das letras de Roberto Carlos

:: Postado por Mamãe às 07h33
::
:: Enviar esta mensagem

Por Um Momento Apenas


"...Quero um pedacinho de tempo para poder descansar
esse peso do mundo que estou sentindo

 em meus ombros ...
Um tempo onde não me perguntem nada, nem me peçam nada,
apenas me permitam o direito,

de dar vazão ao pranto

que venho engolindo com o café-da-manhã de todos os dias ,

enquanto visto a máscara de

"olhem como sou valente e forte" ...

Quero ser a criança

 que pode chorar livremente
sob o beneplácito da manhã

até que me ponham no colo, 

 restabelecendo assim,
o equilíbrio que necessito

para dormir em paz.

Quero ser criança novamente e me esconder no vão da escada
para que todos me procurem e se preocupem comigo,
(ainda que ao me encontrarem, me ponham de castigo pela traquinagem) .

Quero ser adolescente despertando para o primeiro amor ...
Quero ser a pessoa que teme o amanhã,

que se angustia

com aquilo ue não ousou...

e se amedronta com o que há

ainda por realizar ...

Quero me aventurar na busca dos sonhos, sem ter que vê-los pintados

com as cores do desânimo,

:: Postado por Mamãe às 23h01
::
:: Enviar esta mensagem

 ou coloridos

com as cores do impossível...

e quero poder brincar com meus sonhos como se fossem massinha

  de modelar ilusões ...
lambuzar neles meus dedos,

até decidir quando precisam se desfazer ...

Quero ter companheirismo também nas horas em que tudo
parece ter se perdido, e encontrar apenas um ombro onde possa
repousar meu cansaço, um ombro que seja tão somente silencioso
e impregnado de compreensão...

Quero deixar que me invada toda a dor do mundo neste instante,
porque ela é minha, é real e é unica,

e que como tal
seja aceita e compreendida ...
mesmo que eu não a aceite e não saiba lidar com ela ...

E quero poder dizer isso desse jeito:
- ESTÁ DOENDO, SIM !...
sem assustar ninguém, causando uma revolução tão grande que
meu mundo pareça ainda mais desabitado .

Daqui a pouco tudo vai parecer

diferente e novo, eu sei.
Vou secar os olhos e vou à luta outra vez

e da dor hei de ressurgir mais forte ... Porque sou noventa e nove porcento formação de matéria
que dificilmente se desintegra .

Então,  por favor ... 

 por um momento apenas ...
neste meu pequeno momento

 mais que humano,
neste meu miserável

 um por cento de fragilidade,
me deixem ser igual a todo mundo .
e  simplesmente chorar .. "

 

  Maria Teresa de Oliveira Albani

 

:: Postado por Mamãe às 22h50
::
:: Enviar esta mensagem

Meu amorzinho, não ligue para mim não...

Só estou sentindo-me com o coração menor que um grão de areia...

A saudade e a revolta parece que estão aumentando...

Sinto sua falta...

Espero que essa tristeza não chegue até vc minha pequena... mas se chegar, me perdoe...

Te amo

 

:: Postado por Mamãe às 08h58
::
:: Enviar esta mensagem

Mamãe Saudosa:
PRISCILA


&

Princesa Amada:
VICTORIA

*20/03/05+








Estão nos visitando neste momento:
amigo(s) online


Visitantes:





Links de amigos

:: Altar da minha Victoria - Acenda uma velinha
:: Grupo Mamães de Anjinhos
:: Eterna Roberta (blog da tia da Vic)
:: Neyla - Tributo ao Caio
:: Déia e Isabelle
:: Iumara - Só Faltava Você
:: Renata - Eternamente Mãe
:: Dani e Arthur
:: Angela e Ana Júlia
:: Nana, Guto e Marcellinha
:: Carla e Rafael
:: Cris e Tomás
:: Roberta e Viktor
:: Encontro com a Luz
:: Leve os beijos meus...
:: Meus filhos, minha vida
:: Desejando um anjo...
:: Jane
:: Carol
:: Silvia - Guilherme e Ingrid
:: Adri Terres
:: Rafaela Pri
:: Ale anjinha Eduarda
:: Ellen e Rafaela
:: Cris e Antonio
:: Camila
:: Sônia e anjo Bruno
:: Blog da Kátia
:: Dora e Gabriela
:: Deia e Isabelle
:: Fabrine e anjo Caroline
:: Liliane - Anjos em minha vida
:: Taciana e do anjo Davi
:: Bianca e Giulia
:: Seu bebê - Fotos tiradas pelo Dr. Gustavo Neppe
:: Déia - Mãe de Anjinhos
:: Gi, Matheus e Marcela
:: Dri Terres e Luana
:: Luana e Isabelle
:: Roberta e Coraçãozinho
:: Rosana e Eric
:: Rogério e anjo Felipe
:: Rosa e bebê
:: Rafa e Agnes
:: Michelle e Davi
:: Andrezza e Letícia
:: Apoio Mãe
:: Dora e Isabela
:: Mara Casanova
:: Rafa e Agnes 2

Votação

Dê uma nota para meu bloguinho

..:: INDIQUE ESSE BLOG ::..

01/03/2018 a 31/03/2018

01/11/2015 a 30/11/2015

01/03/2014 a 31/03/2014

01/05/2013 a 31/05/2013

01/03/2013 a 31/03/2013

01/12/2012 a 31/12/2012

01/04/2012 a 30/04/2012

01/03/2012 a 31/03/2012

01/10/2011 a 31/10/2011

01/09/2011 a 30/09/2011

01/06/2011 a 30/06/2011

01/03/2011 a 31/03/2011

01/01/2011 a 31/01/2011

01/06/2010 a 30/06/2010

01/03/2010 a 31/03/2010

01/12/2009 a 31/12/2009

01/11/2009 a 30/11/2009

01/03/2009 a 31/03/2009

01/10/2008 a 31/10/2008

01/09/2008 a 30/09/2008

01/08/2008 a 31/08/2008

01/07/2008 a 31/07/2008

01/06/2008 a 30/06/2008

01/05/2008 a 31/05/2008

01/04/2008 a 30/04/2008

01/03/2008 a 31/03/2008

01/02/2008 a 29/02/2008

01/01/2008 a 31/01/2008

01/12/2007 a 31/12/2007

01/11/2007 a 30/11/2007

01/10/2007 a 31/10/2007

01/09/2007 a 30/09/2007

01/08/2007 a 31/08/2007

01/07/2007 a 31/07/2007

01/06/2007 a 30/06/2007

01/05/2007 a 31/05/2007

01/04/2007 a 30/04/2007

01/03/2007 a 31/03/2007

01/02/2007 a 28/02/2007

01/01/2007 a 31/01/2007

01/12/2006 a 31/12/2006

01/11/2006 a 30/11/2006

01/10/2006 a 31/10/2006

01/09/2006 a 30/09/2006

01/08/2006 a 31/08/2006

01/07/2006 a 31/07/2006

01/06/2006 a 30/06/2006

01/05/2006 a 31/05/2006

01/04/2006 a 30/04/2006

01/03/2006 a 31/03/2006

01/02/2006 a 28/02/2006

01/01/2006 a 31/01/2006

01/12/2005 a 31/12/2005

01/11/2005 a 30/11/2005

01/10/2005 a 31/10/2005

01/09/2005 a 30/09/2005

01/08/2005 a 31/08/2005

01/07/2005 a 31/07/2005

01/06/2005 a 30/06/2005

Visitas

Créditos

Todos os direitos reservados ©